maio 20, 2006

12 anos depois


O mesmo som,
A mesma melodia
Que traz o sabor
Da ausente alegria.
O mesmo tom,
A mesma sinfonia
Recorda o temor
A perda nesse dia.
A mesma música
A mesma toada,
Saudade que fica
Pela existência apagada.
A mesma canção,
A mesma recordação,
A mesma saudade
Toda a eternidade.

adc

5 comentários:

MarcusAntónius disse...

Não deixes que a saudade te prenda ao passado, usa-a para subir um degrau no presente e avançar rumo ao futuro...

Anónimo disse...

Very pretty site! Keep working. thnx!
»

Anónimo disse...

Interesting site. Useful information. Bookmarked.
»

Anónimo disse...

I'm impressed with your site, very nice graphics!
»

Anónimo disse...

I find some information here.